Quando não consigo pagar os meus créditos – O que fazer?

Julho 20, 2020 0 Por admin
Sabe que há mecanismos legais que o ajudam a suavizar as dificuldades com o pagamento dos seus créditos?
(1) Se está com dificuldade em pagar as prestações do seu crédito, informe de imediato a instituição com a qual contratou o crédito. 
Pondere com a instituição qual a melhor forma de evitar o incumprimento das suas obrigações. 
(2) Se já tiver prestações em atraso, veja com a instituição como pode ultrapassar a situação e se já foi integrado no PERSI.
O PERSI – Procedimento Extrajudicial de Regularização de Situações de Incumprimento – é um processo que permite que o cliente e a instituição de crédito negoceiem soluções para resolver a situação de incumprimento, evitando o recurso aos tribunais. 
Quando é integrado em PERSI, o cliente tem direito a receber um documento que o informe dos seus direitos e deveres no âmbito deste procedimento.
A instituição de crédito deve avaliar a situação do cliente e propor-lhe, sempre que tal seja viável, soluções adequadas à atual capacidade financeira, objetivos e necessidades. 
Durante a negociação, a lei dá ao cliente um conjunto de garantias. A instituição de crédito está impedida de resolver o contrato de crédito, de promover ações judiciais contra o cliente bancário para recuperação do crédito e de ceder o crédito a outras entidades.
(3) Responda a tempo às solicitações da instituição de crédito e colabore na procura de soluções para a regularização do incumprimento.
O cliente deve prestar à instituição de crédito informações verdadeiras e atualizadas sobre a sua situação financeira. O cliente deve responder atempadamente às comunicações da instituição de crédito e disponibilizar as informações e os documentos que lhe sejam solicitados. 
(4) Aconselhe-se junto da Rede de Apoio ao Consumidor Endividado (RACE)
Os clientes bancários em risco de incumprimento ou com prestações de crédito em atraso podem obter, gratuitamente, informação, aconselhamento e acompanhamento junto das entidades que integram a Rede de Apoio ao Consumidor Endividado (RACE).